Skip to main content

Mosca branca: inseticida evita perda de soja

Saiba como combater uma das principais pragas agrícolas, a mosca branca, que tem afetado as lavouras de soja. Confira!

Publicado 25-08-2021 17:51:29

Linkedin Whatsapp
Mosca branca

A mosca branca, uma das principais pragas agrícolas das regiões tropicais, tem afetado as lavouras de soja no Brasil de forma crescente nos últimos anos. “A praga ocorre principalmente no Cerrado por causa do clima favorável ao ciclo de vida do inseto e do alto número de hospedeiros”, diz Danilo Cestari, gerente de Desenvolvimento Técnico de Mercado da Syngenta.

Segundo o especialista, combater o problema exige um inseticida capaz de alcançar a praga, que se esconde no interior das plantas.

“As moscas brancas habitam o dossel das plantas. Atacar o inseto nesse local é o grande desafio”, afirma.

Entre as soluções disponíveis no mercado, a Syngenta desenvolveu o inseticida Minecto Pro, que oferece um novo patamar de controle e performance em relação a outros produtos.

Inseticida para mosca branca

A mosca branca suga a seiva e pode injetar toxinas nas plantas, reduzindo o vigor do pé de soja. Além disso, quando se alimenta, excreta substâncias que favorecem o surgimento de um fungo conhecido como fumagina, que forma uma camada escura sobre as folhas e dificulta a fotossíntese. Isso provoca a desfolha, a redução de porte da planta e a consequente queda na produtividade. A praga ainda pode transmitir algumas viroses que afetam a lavoura.

Cada fêmea de mosca branca produz até 300 ovos. O mais crítico é que ela pode se reproduzir sem machos”, diz Cestari. De acordo com ele, dependendo da temperatura, podem ocorrer de dois a cinco ciclos de vida do inseto durante o cultivo da soja.

A formulação potente de Minecto Pro tem amplo espectro, controlando a mosca branca e outras pragas de forma eficaz através da combinação de dois ingredientes ativos com diferentes mecanismos.

O Ciantraniliprole é um modulador do receptor de rianodina que causa a contração muscular descontrolada da praga, paralisando-a e cessando a sua alimentação. Já a Abamectina ativa os canais de cloro GABA e H-glutamato nas células, bloqueando os sinais nervosos da praga.

Para saber mais sobre as nossas soluções para o controle do complexo de doenças da soja? Clique aqui e conheça a linha completa de fungicidas Syngenta!

Quer receber mais conteúdos como esses?

Inscreva-se e fique por dentro das novidades sobre produtividade.

Canais Syngenta