Skip to main content

Minor crops e o desafio do manejo das culturas do hortifrúti

A falta de soluções registradas torna ainda mais difícil o controle de pragas e doenças

Publicado 25-11-2021 19:36:21

Linkedin Whatsapp
Cultura de hortifrúti

Sem tempo para ler? Clique no play abaixo para ouvir esse conteúdo!

As minor crops – CSFI (Culturas com Suporte Fitossanitário Insuficiente) – são responsáveis pela produção de frutas, hortaliças e alguns cereais e leguminosas presentes nas refeições de grande parte dos brasileiros.

Embora não ocupem grandes áreas, essas culturas possuem enorme relevância econômica, uma vez que abastecem estabelecimentos comerciais de pequeno, médio e grande porte, além de oferecerem produtos por preços acessíveis à maioria da população.

Alguns exemplos de minor crops são beterraba, berinjela, abóbora, abobrinha, brócolis, goiaba, entre outros alimentos encontrados facilmente em feiras livres, hortifrútis e mercados.

Por conta de diversos fatores, o controle de pragas e doenças nessas culturas nem sempre é fácil de ser realizado.

Confira a seguir as principais dificuldades que os agricultores encontram nas lavouras de minor crops.

Dificuldades no manejo de doenças e pragas nas minor crops

Apesar de os alimentos produzidos por essas culturas serem consumidos por um grande número de pessoas, os produtores enfrentam sérios problemas no controle de pragas e doenças que atacam suas lavouras, encontrando desafios para manter o abastecimento do mercado de acordo com o total da demanda.

Isso ocorre, principalmente, em razão da pouca disponibilidade de soluções registradas para essas culturas, o que ocasiona, em muitos casos, o uso irregular de defensivos.

Vale destacar também que, historicamente, há pouco interesse no desenvolvimento de produtos específicos para minor crops.

No entanto, a Syngenta conhece e compreende as dores dos agricultores. Afinal, são eles quem se dedicam e contribuem para a alimentação das famílias brasileiras. Por isso, há empenho constante em pesquisas e desenvolvimento de tecnologias para proteger essas culturas.

Há dois anos a Syngenta investe alto para oferecer soluções eficientes para frutas, legumes e verduras, sempre com o objetivo de contribuir para que os agricultores continuem produzindo em todas as regiões do país.

A iniciativa Soluções Syngenta para Hortifrúti é um exemplo desse comprometimento, uma vez que busca expandir o registro de soluções para possibilitar que os produtores protejam a sanidade de suas lavouras e produzam com muito mais qualidade.

A seguir, confira as soluções desenvolvidas para o manejo de doenças e pragas que infestam as minor crops.

Portfólio robusto de soluções para as minor crops

A Syngenta conta com um portfólio robusto de produtos para ser utilizado em lavouras de minor crops. Confira os principais fungicidas e inseticidas registrados para essas culturas.

Fungicidas para as minor crops

Bravonil® 720

Bravonil® 720 é um fungicida de contato que possui clorotalonil como ingrediente ativo, pertencente ao grupo químico isoftalonitrila, formulado em suspensão concentrada.

O produto é eficiente contra as principais doenças que acometem minor crops de amendoim, batata-doce, batata-yacon, berinjela, beterraba, cará, cebola, cenoura, duboisia, gengibre, inhame, mandioca, mandioquinha-salsa, mamão, melancia, nabo e rabanete.

Amistar® WG

Amistar® WG é um fungicida sistêmico, de ação preventiva, curativa e anti-esporulante, com formulação WG – grânulos dispersíveis em água –, que pode ser aplicado para o controle de doenças em lavouras de acelga, agrião, alface, almeirão, amendoim, alho, beterraba, cebola, cenoura, chicória, couve-flor, crisântemo, duboisia, espinafre, estévia, figo, goiaba, mamão, manga, melancia, melão, morango, mostarda, pêssego, pimentão e rúcula.

Amistar® TOP

Amistar® TOP é um fungicida sistêmico, de atividade preventiva, curativa e anti-esporulante, em formulação de suspensão concentrada para ser aplicado no manejo de doenças nas culturas do abacate, abobrinha, abóbora, alface, alho, ameixa, amendoim, berinjela, beterraba, caju, caqui, cebola, cenoura, ervilha, figo, goiaba, grão-de-bico, lentilha, mamão, manga, melancia, melão, morango, maracujá, nectarina, pêssego, pepino, pimentão e uva.

Bion 500 WG

Bion 500 WG é um fungicida pertencente ao grupo químico benzotiadiazol, em formulação WG. Esse produto atua como um ativador de plantas e pode ser aplicado em sua parte aérea, possibilitando a intensificação dos mecanismos de defesa naturais e ampliando a resistência a doenças.

Esse fungicida deve ser usado de forma preventiva para impedir a entrada de patógenos nas plantas. A partir do momento em que é aplicado, Bion 500 WG é absorvido agilmente pelos tecidos foliares e translocado sistemicamente para as folhas e raízes, o que propicia a ativação da planta de forma generalizada.

Bion 500 WG ajuda a prevenir doenças de diversas minor crops, como cacau, cebola, melancia e melão.

É importante destacar que essa solução não age diretamente contra as doenças, mas permite que as plantas aumentem sua resistência para se protegerem dos patógenos que atacam as culturas.

Revus®

Revus® é um fungicida de contato e profundidade (ação translaminar), que faz parte do grupo químico éter mandelamida, desenvolvido em formulação de suspensão concentrada.

O produto apresenta alta eficiência e pode ser utilizado contra doenças que incidem em variadas culturas, como:

  • abacate;

  • abacaxi;

  • abóbora;

  • abobrinha;

  • acelga;

  • agrião;

  • almeirão;

  • alface;

  • alho;

  • brócolis;

  • cacau;

  • chalota;

  • cebola;

  • cebolinha;

  • chicória;

  • chuchu;

  • couve;

  • couve-chinesa;

  • couve-de-bruxelas;

  • couve-flor;

  • cupuaçu;

  • espinafre;

  • guaraná;

  • kiwi;

  • lichia;

  • macadâmia;

  • manga;

  • maracujá;

  • maxixe;

  • melão;

  • melancia;

  • mostarda;

  • mamão;

  • pepino;

  • repolho;

  • romã;

  • rúcula.

Score® e Score® Flexi

Score® é um fungicida sistêmico, pertencente ao grupo dos triazóis, com tipo de formulação EC (Concentrado Emulsionável), que pode ser usado para o controle de doenças nas culturas de abacate, abacaxi, acerola, agrião, alface, almeirão, amendoim, amora, alho, azeitona, berinjela, beterraba, cacau, caju, caqui, carambola, cenoura, cebola, chicória, couve-flor, cupuaçu, ervilha, espinafre, estévia, figo, framboesa, mamão, goiaba, guaraná, maracujá, manga, mangaba, mostarda, pitanga, pepino, melão, melancia, pêssego, pimentão, romã e rúcula.

Score® Flexi também pertence à família dos triazóis, com tipo de formulação EC, e apresenta eficácia contra os patógenos que atacam as minor crops de amendoim, ervilha, feijão-caupi, lentilha e grão-de-bico.

Ridomil Gold® MZ

Ridomil Gold® MZ é um produto formado pela união de um fungicida sistêmico – metalaxil-M – com um fungicida de contato – mancozebe – e é apresentado em pó molhável, que pode ser usado para o tratamento das culturas de cebola e uva.

Como sempre, a Syngenta busca inovar e oferecer novas soluções para a lavoura. Por isso, disponibilizará em breve esse mesmo produto, em uma nova formulação – grânulos dispersíveis em água –, proporcionando maior consistência para o manejo de doenças em minor crops. Aguarde!

Unix® 750 WG

Unix® 750 WG é um fungicida sistêmico, com formulação de grânulos dispersíveis em água, pertencente ao grupo químico das anilinopirimidinas. O produto pode ser aplicado para o tratamento de doenças nas culturas do alho, cebola e chalota.

Inseticidas para as minor crops

Polo® 500 SC

Polo® 500 SC é um inseticida e acaricida de contato e ingestão, do grupo químico feniltioureia, em formulação de suspensão concentrada. É indicado para o controle de pragas nas culturas de:

  • amendoim;

  • berinjela;

  • ervilha;

  • grão-de-bico;

  • lentilha;

  • melão;

  • pepino;

  • pimentão;

  • repolho.

Minecto® Pro

Minecto® Pro é um inseticida e acaricida com abamectina (avermectina) e ciantraniliprole (antranilamida) como ingredientes ativos. Sua formulação em suspensão concentrada viabiliza seu uso para o controle de pragas em lavouras de minor crops como maçã, melão, pepino e pimentão.

Ampligo®

Ampligo® é um inseticida de contato e ingestão e possui os ingredientes ativos lambda-cialotrina e clorantraniliprole, um piretróide e uma antranilamida, respectivamente, em suspensão concentrada. Pode ser usado no controle de pragas nas minor crops de aveia, brócolis, couve, couve-flor, cevada, repolho e sorgo.

Karate Zeon® 50 CS

Karate Zeon® CS é um inseticida de contato e ingestão, em formulação de suspensão de encapsulado (CS), que possui o ingrediente ativo lambda-cialotrina, do grupo químico piretróide, utilizado para o controle de pragas nas minor crops: amendoim, cebola, couve, melancia, melão, morango e uva.

Polytrin®

Polytrin® é um acaricida e inseticida de contato, ingestão e profundidade, em formulação de concentrado emulsionável, que possui os ingredientes ativos profenofós (organofosforado) e cipermetrina (piretróide).

O produto pode ser utilizado para o controle de pragas das seguintes minor crops: amendoim, cebola, ervilha, melancia, pepino, repolho e feijão-vagem.

Trigard® 750 WP

Completando o portfólio de soluções para minor crops, Trigard® 750 WP é um inseticida sistêmico e de ingestão em formulação do tipo pó molhável, que possui o ingrediente ativo ciromazina, usado para o manejo de pragas nas culturas de melancia, feijão-vagem, melancia, pepino e tomate.

Sobre Mais Agro

A Syngenta está ao lado do produtor rural em todos os momentos, com o objetivo de impulsionar o agronegócio brasileiro com qualidade e inovações tecnológicas.

Acesse o portal da Syngenta e acompanhe todos os artigos do Mais Agro para saber tudo o que está acontecendo no campo!

Conteúdos Relacionados

Quer receber mais conteúdos como esses?

Inscreva-se e fique por dentro das novidades sobre produtividade.

Canais Syngenta